Marcações: Gaia: 223 754 351 * Feira: 256 802 348 *
Agendar Consulta
Marcação de Consulta
Medicina Dentária

Próteses Dentárias: tudo o que precisa de saber para as higienizar e cuidar delas sem falhas

Colocar Próteses Dentárias é uma das soluções mais vantajosas de Reabilitação Oral, pois renovam por completo o sorriso. Mas, como todos os tratamentos dentários, exigem alguns cuidados, em especial no que refere à higienização oral.

Saber ao certo quais são estes cuidados e como os realizar é essencial para garantir o sucesso do tratamento.

Se estiver a ponderar colocar Próteses ou caso já o tenha feito, este artigo vai ser útil para aprender a higienizá-las e a cuidar delas, permitindo evitar erros.

Para que servem as Próteses Dentárias?

As Próteses Dentárias usam-se em caso de falta de um ou vários dentes. O seu papel é substituir a parte visível dos mesmos (a coroa) e com isso restabelecer a dentição. Para tal, podem ser colocadas sobre os dentes que sobram, se houver, ou sobre Implantes Dentários, fixados no osso maxilar.

Por restabelecerem uma dentição completa têm vários benefícios. Primeiro, permitem melhorar a componente estética da boca. As mudanças físicas após um processo de colocação de Próteses Dentárias são inegáveis, conseguindo, por exemplo, equilibrar o sorriso e o rosto no geral.

Depois, melhoram também a funcionalidade da boca, em especial no que toca à capacidade mastigatória.

Como funcionam?

Existem diversos tipos de Próteses, distinguíveis quanto ao seu modo de fixação e à forma como funcionam. Podem ser:

  • Próteses removíveis (acrílicas ou esqueléticas) – apoiam-se no céu da boca, nas gengivas e/ou em alguns dentes que sobram. Podem ser retiradas pelo paciente;
  • Próteses semifixas – são presas em alguns Implantes, através de estruturas próprias. Este sistema funciona como uma mola, permitindo que sejam retiradas;
  • Próteses fixas – são fixadas de forma permanente ao osso maxilar através de Implantes ou nos dentes que sobram. 

Qual a importância de uma higienização correta das Próteses Dentárias?

Quando colocadas na boca, as Próteses funcionam como dentes naturais. Então, também estão sujeitas à acumulação de resíduos de comida e ao desenvolvimento de bactérias, que podem resultar em doenças orais. Assim sendo, higienizar a sua estrutura, bem como os restantes tecidos da boca, permite manter uma boa saúde oral.

Fazer uma higienização correta das Próteses Dentárias também contribui para a eficiência do tratamento, permitindo que:

  • Funcionem como o esperado;
  • Mantenham o seu bom estado e aspeto;
  • Durem o máximo de tempo possível.

Como higienizar Próteses Dentárias de forma exemplar?

Como existem diversos tipos de Próteses, a higienização pode variar em alguns aspetos. No entanto, existem alguns cuidados fundamentais que são transversais aos vários tipos.

Vamos conhecer quais são.

1. Escolha os produtos certos

É importante escolher produtos de higienização seguros para as Próteses. O ideal é que sejam indicados para estas estruturas.

No processo de escovagem, o recomendado é que se usem:

  • Escovas de cerdas macias, para evitar danos na estrutura;
  • Pastas de dentes pouco abrasivas, para as coroas dentárias se manterem em bom estado;
  • Fios dentários, escovas interdentais ou escovilhões, para eliminar todos os resquícios de alimentos

No caso das Próteses removíveis, podem ainda ser utilizadas pastilhas efervescentes próprias para uma higienização mais profunda.

2. Realize uma escovagem adequada

O processo de escovagem varia de acordo com o tipo de Prótese. Para as removíveis, os passos recomendados a seguir são:

  • Retirar a Prótese da boca com cuidado;
  • Lavar a estrutura com água;
  • Escovar toda a Prótese de forma cuidadosa;
  • Enxaguar a Prótese e recolocá-la.

Já para as estruturas fixas, o processo é muito semelhante à escovagem dos dentes naturais. Nesse caso, as recomendações mais importantes são realizar movimentos suaves e utilizar o fio dentário após a escovagem.

3. Limpe todas as estruturas orais

No caso de Próteses removíveis/semifixas, é essencial higienizar também os dentes (se ainda os houver), gengivas, língua e palato, após as escovar e antes de as recolocar. Porquê?

Porque, mesmo que a Prótese se encontre limpa, ainda pode existir acumulação de bactérias nas estruturas que as suportam.

4. Repita a higienização as vezes recomendadas

Com Próteses, é essencial manter a regularidade dos cuidados de higiene oral ou até aumentá-la. O ideal é que a escovagem seja realizada após as refeições ou, pelo menos, duas vezes ao dia.

Na impossibilidade de o fazer, é aconselhado bochechar com água para tentar remover os resíduos alimentares.

Quanto às pastilhas efervescentes, podem ser usadas de forma mais espaçada, cerca de uma ou duas vezes por semana.

5. Recorra a higienizações profissionais

Mesmo cumprindo todas as recomendações de escovagem, pode ser difícil evitar a formação de placa bacteriana e tártaro. Neste sentido, as higienizações profissionais são essenciais, porque:

  • Permitem uma limpeza da boca mais precisa e eficiente;
  • Conseguem alcançar todas as zonas da boca;
  • Removem o tártaro e eventuais manchas mais resistentes à escovagem.

O ideal é que estas limpezas orais sejam realizadas a cada 6 meses ou conforme recomendação do dentista.

Que outro tipo de cuidados exigem as Próteses Dentárias?

Além dos cuidados de higiene, também existem recomendações a seguir para fazer uma correta manutenção das Próteses Dentárias. Estas também ajudam a preservar a estrutura e a aumentar a sua longevidade.

No caso das estruturas removíveis, os conselhos mais essenciais são:

  • Retirá-las durante a noite, para evitar danos na Prótese ou na boca;
  • Conservá-las em água, quando estiverem fora da boca;
  • Manuseá-las com cuidado, para evitar quedas e danos;
  • Evitar fazer ajustes, pois podem danificar a estrutura.

Existem ainda outros conselhos mais gerais para garantir que a Prótese permanece em bom estado. É essencial evitar:

  • Fumar, pois o tabaco promove a acumulação de bactérias e tártaro;
  • Comer alimentos muito pegajosos ou duros, sob risco de partir ou rachar a Prótese;
  • Ingerir alimentos/bebidas muito pigmentadas ou ácidas, porque podem manchar e desgastar a estrutura;
  • Palitar os dentes, uma vez que podem riscar a face das coroas dentárias.

Qual a melhor ajuda para aprender a cuidar das Próteses Dentárias?

Além de todas recomendações mencionadas, podem existir mais cuidados personalizados a cada caso em concreto. O profissional que acompanha o caso é a melhor pessoa para os transmitir e explicar.

Na Medway procedemos à colocação de Próteses Dentárias. Para que os pacientes consigam usufruir delas por muito tempo, oferecemos aconselhamento personalizado que fazem com que a higienização e manutenção sejam eficientes, além de práticas.

Conte com o nosso apoio e garanta um sorriso de invejar.

Artigos recentes

Cuidados especiais com a saúde oral nos meses frios: como cuidar dos dentes no inverno?

Neste artigo, fique a saber como manter a saúde oral no inverno e os cuidados a ter com os dentes nos meses frios.

Saber mais
A idade certa para colocar botox: saiba quando pode ou deve realizar o tratamento

Em que idade se deve aplicar botox? Será que existe uma altura ideal? Conheça aqui todas as respostas agora e saiba quando realizar o tratamento.

Saber mais
Como funciona o implante de carga imediata? Tudo o que deve saber sobre o tratamento

Entenda como ter dentes novos num dia com um implante de carga imediata! Leia este artigo, conheça as vantagens e quem pode realizar o tratamento.

Saber mais