Quanto tempo duram as Facetas Dentárias e o que pode fazer para aumentar a sua longevidade?

As Facetas Dentárias fazem parte do grupo dos tratamentos estéticos com resultados mais impressionantes. Na verdade, os efeitos são tão satisfatórios que uma das maiores preocupações dos pacientes é perceber se são duráveis. Para isso, precisam de saber quanto tempo duram as Facetas Dentárias.

Existem diversos fatores que influenciam esta durabilidade. Além do mais, determinados cuidados podem ser praticados para fazer com que o tratamento dure mais tempo.

Neste artigo vamos explicar tudo, para que perceba melhor a eficácia deste tratamento.

 

Diferentes Tipos de Facetas Dentárias e quanto tempo dura o tratamento com cada um deles

O objetivo das Facetas Dentárias é disfarçar imperfeições nos dentes, a nível de cor, textura, tamanho, brilho ou orientação. Para isso, são fixadas na face externa dos mesmos, como um revestimento.

Existem diversos tipos de Facetas Dentárias disponíveis no mercado. A sua principal distinção prende-se com o seu material de fabrico. Uma das opções são as Facetas Dentárias de porcelana, produzidas através de compostos de cerâmica.

Estas são algumas das suas características principais:

  • São muito eficientes a cobrir as imperfeições dentárias;
  • Imitam de forma perfeita as características dos dentes naturais;
  • Podem exigir desgaste dentário;
  • São produzidas em laboratório;
  • Requerem um processo mais longo e faseado;
  • Exigem um investimento maior.


Outra das opções é as Facetas de resina composta. Estas são fabricadas em materiais resinosos e apresentam particularidades como:

  • São colocadas de forma direta numa sessão;
  • São mais baratas;
  • Dispensam o desgaste dentário;
  • São de fácil reparação;
  • São mais indicadas para mudanças leves.

Mas uma das diferenças mais importantes entre estes dois tipos de Facetas está na resistência – as de porcelana têm maior capacidade para manterem as suas características ao longo do tempo, enquanto as de resina são mais suscetíveis a alterações. Isto faz com que a durabilidade das Facetas Dentárias de porcelana seja maior, ultrapassando a marca dos 10 anos ou chegando até às duas décadas. Por outro lado, as de resina têm uma longevidade menor.

De qualquer forma, em ambos os casos, quando o papel das Facetas começa a estar comprometido, em menor ou maior escala, é necessário trocá-las, para que o efeito pretendido se mantenha.

 

Pedir Orçamento Gratuito

 

5 fatores que influenciam a durabilidade das Facetas Dentárias

Apesar de já sabermos que as Facetas de porcelana duram mais que as de resina, existem outros fatores relevantes que podem ser considerados para prever quanto tempo dura o tratamento com Facetas Dentárias.

Vamos conhecer alguns dos mais importantes.

 

Qualidade do material

Sejam de porcelana ou resina, o importante é que o material das Facetas seja de boa qualidade para usufruir do tratamento durante mais tempo, compensando o investimento. Procurar opções mais baratas pode sair caro a longo prazo, pois precisarão de mais substituições.

 

Estado da saúde oral

O surgimento de cáries, infiltrações e outras doenças periodontais pode comprometer a eficácia das Facetas Dentárias e fazer com que tenham de ser retiradas mais cedo para proceder ao tratamento indicado. Por isso, proteger a saúde oral é proteger as Facetas.

 

Hábitos alimentares

A ingestão de certas bebidas e alimentos muito pigmentados pode alterar o aspeto das Facetas. Também é possível que alguns hábitos, em especial os que implicam um maior esforço mecânico dos dentes, provoquem danos na sua estrutura, fazendo com que durem menos, tal como acontece com os dentes naturais.

 

Técnica de fixação e experiência do profissional

A colocação das Facetas Dentárias exige um planeamento rigoroso e uma técnica de fixação adequada. Se tal acontecer, estão reunidas as condições para que durem pelo tempo suposto.

A experiência do profissional também é fundamental: quanto mais apto para o procedimento, mais hipóteses existem de este ser bem feito, aumentando a durabilidade das Facetas.

Perda de suporte ósseo e gengival

Com o avançar da idade ou com o surgimento de alguma condição de saúde, os tecidos que suportam os dentes podem perder alguma da sua capacidade de sustentação. Isto faz com que as condições existentes na altura da colocação das Facetas estejam alteradas, o que pode levar à necessidade de substituição.

 

Pedir Orçamento Gratuito

 

O que pode fazer para controlar quanto tempo duram as Facetas Dentárias?

Alguns dos fatores que influenciam a durabilidade das Facetas são impossíveis de controlar. É o caso, por exemplo, das mudanças ósseas que ocorrem com o envelhecimento ou com condições de saúde. No entanto, os restantes podem depender do paciente.

Neste sentido, existem certos cuidados para controlar quanto tempo duram as Facetas Dentárias, ao garantir que mantêm o seu bom estado. Estes são alguns exemplos:

  • Realizar uma higienização oral adequada;
  • Escovar os dentes com movimentos suaves;
  • Visitar o dentista com regularidade;
  • Fazer limpezas profissionais periódicas;
  • Evitar alimentos muito duros;
  • Dispensar bebidas que pigmentam como café ou vinho tinto;
  • Evitar alimentos cítricos ou ácidos;
  • Deixar de fumar;
  • Evitar roer unhas ou tampas de canetas.
     

Peça ajuda a profissionais especialistas para cuidar das Facetas Dentárias

Já que um dos fatores que influencia a longevidade das Facetas é a experiência do profissional que as aplica, é fundamental escolher parceiros de qualidade. Estes também serão responsáveis por higienizar de forma mais profunda a sua boca, aquando das visitas periódicas.

Encontra na Medway uma equipa especializada neste procedimento estético capaz de garantir que é realizado da forma certa. Também estamos disponíveis para oferecer todos os esclarecimentos sobre Facetas Dentárias e quanto tempo duram.

Assim, terá todas as condições e informações que precisa para usufruir deste tratamento pelo máximo de tempo que for possível.

Dr.ª Joana Monteiro Ver mais informações
Médica Dentista, Endodontia e Reabilitação Estética
AnteriorSerá que precisa de usar um Aparelho Dentário?
SeguinteProcesso de colocação de Implantes Dentários – entenda como é feito em 4 etapas fundamentais