Aparelho Autoligado Damon VS. Aparelho Invisalign

Imagine-se com um novo sorriso, tal como sempre desejou. Esse sonho é possível de realizar com a utilização de Aparelhos Dentários.

Existem muitos sistemas de tratamento disponíveis, mas hoje falamos de dois dos mais promissores: o Aparelho Damon e o Aparelho Invisalign, ambos resultado do desenvolvimento da Ortodontia. São distinguíveis em vários aspetos, mas há um mais evidente – um é fixo e outro não.

Mas quais serão as outras diferenças? Haverá também características que os aproximam? E quais os pontos fortes de cada um deles? É o que vamos descobrir.

 

Como funciona o Aparelho Damon?


Esta é uma opção que se insere nos Aparelhos fixos, com estruturas metálicas. Ainda assim, o modo de funcionamento do Aparelho Autoligado com sistema Damon difere destas opções mais convencionais. Porquê?

Utiliza brackets auto-ligáveis fixados nos dentes, através dos quais desliza o arco metálico, permitindo que sejam aplicadas as forças necessárias à movimentação dos dentes. Desta forma, usando apenas estes dois componentes, dispensa a utilização de elásticos e bandas metálicas, característicos dos Aparelhos tradicionais.

Esta estrutura permanece nas arcadas dentárias até ao fim do tratamento, embora tenha a capacidade de se ir adaptando às mudanças alcançadas, beneficiando a evolução do processo.

Razões para escolher o Sistema Damon


Sendo fixo, é fácil concluir que o Aparelho Damon permite uma correção dentária consistente e eficaz, mas a ausência de elásticos e bandas metálicas traz ainda outros benefícios: o resultado esperado surge de forma mais rápida, cerca de 4 a 6 meses em relação aos convencionais, pois as forças são mais precisas.

Além disso, como sem estes componentes o atrito e tensão são menores, deixando de existir qualquer resistência ao movimento, o processo de alinhamento dentário é mais cómodo, melhorando toda a experiência.

Existem ainda mais vantagens associadas ao Aparelho Autoligado Damon:

  • As consultas de manutenção são espaçadas e rápidas, pois há poucos componentes para ajustar;
  • A higiene oral é facilitada – porque os dentes estão mais livres, sem os elásticos e bandas metálicas;
  • A necessidade de extração dentária é menor;
  • As estruturas do Aparelho são menos percetíveis.
     

Quem deve escolher o Aparelho Autoligado Damon?

Se o sistema de funcionamento dos Aparelhos fixos lhe agrada mas gostaria de evitar desconfortos e ferimentos na boca devido aos arames que podem soltar-se, o Aparelho Autoligado é ideal para si, por ser cómodo.

Dada a ausência de elásticos, é ainda uma opção para quem procura aliar consistência com discrição.

Como exige menos consultas de acompanhamento, também é perfeito para quem tem sempre a agenda cheia!

Além do mais, dada a sua eficácia, de modo geral também é capaz de tratar quase qualquer condição ortodôntica, mesmo as mais severas, sendo a escolha certa de quem procura uma opção confiável.

 

Aparelho Invisalign: o que é?

O Invisalign é um Aparelho removível sem componentes metálicos que usa estruturas de um material plástico transparente – os alinhadores - que encaixam nas arcadas dentárias e promovem a movimentação gradual e suave dos dentes.

Estas estruturas são adaptadas aos dentes a corrigir, permitindo a exerção de forças localizadas, nos sítios exatos onde são necessárias. Além disso, vão sendo trocadas ao longo do tratamento de acordo com o planeamento prévio, acompanhando cada fase do processo e as evoluções alcançadas.

Em casos mais complexos, a capacidade dos alinhadores pode ser complementada com attachments colocados nos dentes que exercem forças extras.

Porque é uma boa opção?

À semelhança do Aparelho Autoligado, o Invisalign, por aplicar forças localizadas, é mais rápido a alcançar os resultados desejados, face a outras opções.

Contudo, como é removível, permite algo que o Sistema Damon não admite: tirar o Aparelho quando necessário, seja para comer, beber ou escovar os dentes. Assim, dispensa restrições alimentares e facilita a higienização oral.

Mais: os alinhadores são transparentes e, portanto, quase impercetíveis, ao contrário do Aparelho Autoligado que, apesar de mais discreto, continua a ter estruturas metálicas.

Veja mais vantagens deste Aparelho removível:

  • É muito confortável, porque as forças são suaves;
  • Exige menos consultas;
  • Permite que vá visualizando a evolução do seu sorriso, porque é transparente;
  • É altamente tecnológico – todo o tratamento é controlado com softwares próprios, que permitem até visualizar o resultado;
  • Exige pouco tempo de adaptação.
     

Quando escolher o Invisalign?

Esta é o Aparelho ideal para quem prioriza a discrição e a estética e pretende fugir do aspeto metálico, seja adulto, adolescente ou criança, já que hoje tem soluções adaptadas a cada faixa etária.

Além do mais, como pode ser tirado e recolocado, é perfeito para quem deseja um tratamento com o mínimo de impacto na rotina diária.

Mas atenção: o facto de ser removível pode levar a que seja usado menos tempo que o recomendado para atingir os resultados esperados (entre 20 e 22 horas diárias), no período esperado, prejudicando todo o tratamento.

Então, é indicado para pacientes que procurem beneficiar das suas vantagens estéticas e práticas, mas com comprometimento e responsabilidade suficientes para o utilizar como aconselhado.

 

Acertar na escolha do Aparelho Dentário – é mais fácil com ajuda especializada

Já vimos que o Aparelho Damon e o Invisalign têm semelhanças em certos aspetos, como na redução de tempo de tratamento e das consultas, mas também têm diferenças, em especial quanto ao seu caráter fixo e removível e ao que isso implica no dia a dia.

Portanto, deve saber que não existe uma resposta certa acerca de qual é o melhor – tudo depende do que procura e do problema a tratar. Para analisar estes fatores e descobrir a opção certa para si, conte com os especialistas da MEDWAY – têm o conhecimento e meios necessários para lhe proporcionar o melhor aconselhamento.

Depois, verá que será difícil esconder o seu sorriso!

 

Dr.ª Daniela Paiva
Diretora Clínica, Médica Dentista, Ortodontia e Odontopediatria
SeguinteFacetas de Porcelana e Facetas de Resina: entenda os prós e contras de cada uma